Desde 1975 levando vida para todos.

Alimento diário


Semana 3 - Monday


SÉRIE: EXTRAINDO VIDA DOS ESCRITOS DE PAULO
MENSAGEM 03: O livro de Efésios [1] – (Ef 1:3-5; 4:1)
Leitura bíblica:
2 Co 3:6; Ef 1:10; Cl 1:25; 2 Tm 1:13-14
Ler com oração:

Disto também falamos, não em palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas ensinadas pelo Espírito, conferindo coisas espirituais com espirituais. Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente (1 Co 2:13-14).


USAR O ESPÍRITO PARA TRANSFORMAR LETRA EM VIDA

Os ministros da nova aliança são os que praticam as palavras que ouvem (Lc 6:47-49). Eles recebem essas palavras de maneira viva, no espírito, e não de forma passiva, meramente como uma pregação teórica. Por um lado, esses ministros utilizam o espírito para ter uma plena compreensão e revelação de todas as epístolas escritas por Paulo no Novo Testamento. Todavia não o fazem na ótica do estudo e da análise, na esfera mental da alma, desconectada do Espírito, mas para extrair vida e colocá-las em prática. Para isso é fundamental colocar a mente no espírito (Rm 8:6).
Não podemos perder mais tempo em nosso viver da igreja. Precisamos viver e andar no espírito, pois somente assim seremos habilitados para desvendar e ministrar o que está por detrás das verdades registradas em forma de letra nas catorze epístolas do apóstolo Paulo. Somente no espírito podemos discernir, decifrar e transformar as palavras espirituais registradas na forma de letra em palavras de Espírito e vida (Jo 6:63; 1 Co 2:13-14; 2 Co 3:6).
Nesta semana continuaremos extraindo vida dos escritos de Paulo. Veremos sobre os aspectos fundamentais para a vida cristã na carta aos Efésios, pois, para sermos ministros da nova aliança é necessário nos equiparmos com a Palavra de Deus, segundo a Sua economia, isto é, segundo Seu plano eterno (Ef 1:10; Cl 1:25). Precisamos estar equipados, ou seja, guardarmos ricamente a Palavra de Deus em nós (3:16a; 2 Tm 1:13-14). A consequência disso será a nossa utilidade nas mãos do Senhor, que nos habilita para sermos ministros de uma nova aliança!