Desde 1975 levando vida para todos.

Alimento diário


Semana 3 - Friday


SÉRIE: EXTRAINDO VIDA DOS ESCRITOS DE PAULO
MENSAGEM 03: O livro de Efésios [1] – (Ef 1:3-5; 4:1)
Leitura bíblica:
Jo 3:16; Rm 3:23; Ef 2:1, 4; 3:18-19
Ler com oração:

Vede que grande amor nos tem concedido o Pai, a ponto de sermos chamados filhos de Deus; e, de fato, somos filhos de Deus [...]. Amados, agora, somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que haveremos de ser. Sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, porque haveremos de vê-lo como ele é (1 Jo 3:1-2). Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas (Ef 2:10).


RESGATADOS PELO AMOR E TRANSFORMADOS EM OBRA-PRIMA

Depois de discorrermos nos dias anteriores sobre o dispensar do Deus Triúno detalhado no capítulo 1 do livro de Efésios, observamos no capítulo 2 o tipo de pessoa que Deus foi resgatar para ser utilizada em Sua economia.
Temos de visualizar de onde viemos e para onde estamos caminhando em nossa jornada cristã. Estávamos mortos em nossos delitos e pecados e sujeitos ao lago de fogo (Ef 2:1; Rm 3:23; 5:12). No entanto houve uma grande virada em nosso destino quando recebemos a vida divina crendo no Senhor Jesus. Qual foi a origem dessa virada? O incontestável e ilimitado amor de Deus (Ef 2:4; Jo 3:16).
A respeito dessa virada, é como se fôssemos um tição (Zc 3:2), um pedaço de madeira que foi tirado do fogo, e estivéssemos sendo esculpidos com o fim de sermos a obra-prima do Senhor (Ef 2:10). Por um lado, para quem está sendo “esculpido”, essa obra produz certa dor, fruto da retirada de tudo o que é contra o propósito de Deus em nossas vidas. Por outro lado, o resultado final de Seu trabalhar em nós é muito proveitoso: tornamo-nos instrumentos úteis nas mãos do Senhor, preparados para boas obras.
A impressão que tenho sobre a extensão do amor de Deus é que não é possível dimensioná-lo em palavras, pois o comprimento desse amor não se pode medir com uma fita métrica. É algo grandioso, infinito! Qual é a largura da largura, ou a altura da altura, e a profundidade da profundidade? Não há como mensurar! Deus não só nos amou, mas Ele é Aquele que continua nos amando durante toda nossa vida (Ap 1:5b). O objetivo de Seu amor é nos levar a ser semelhantes a Ele (1 Jo 3:1-2). Todavia a compreensão mais ampla desse amor só pode ser percebida no viver da igreja, quando estamos com todos os santos (Ef 3:18-19).
Essa é a primeira parte do livro de Efésios, que retrata e espelha todos os aspectos da economia neotestamentária de Deus. Mas ainda temos mais três capítulos para obtermos revelação prática sobre diversos ângulos de nosso viver. Louvado seja o Senhor pelo Seu trabalhar em nós!