Desde 1975 levando vida para todos.

Alimento diário


Semana 5 - Tuesday


SÉRIE: GÁLATAS - A FILIAÇÃO
MENSAGEM 06: Servir ao Senhor não segundo as tradições (Gl 1:14-17)
Leitura bíblica:
2 Co 7:1; Gl 4:1-2; Hb 9:14; 1 Pe 5:10
Ler com oração:

Agora, porém, libertados da lei, estamos mortos para aquilo a que estávamos sujeitos, de modo que servimos em novidade de espírito e não na caducidade da letra (Rm 7:6). 


RENOVAR A MENTE PARA GANHAR A HERANÇA

Em continuidade à história das filhas de Zelofeade, relatada em Números 27, sabemos que Moisés levou a causa delas perante o SENHOR que disse a Moisés: “As filhas de Zelofeade falam o que é justo; certamente, lhes darás possessão de herança entre os irmãos de seu pai e farás passar a elas a herança de seu pai” (vs. 6-7). Aqui, portanto, o SENHOR considerou justa a petição delas quanto a tomar posse da herança, fato este contrário à lei da época, que limitava a herança somente a filhos. Por conseguinte, o SENHOR ordenou que a herança de Zelofeade se desse às suas filhas, quebrando uma tradição.
Possuo três filhos e três filhas. Boa parte de meus bens eu vendi e apliquei o valor na vida da igreja. A outra parte será repartida por igual quinhão. Não seria justo se somente meus filhos recebessem o que lhes é devido por herança enquanto minhas filhas nada adquirissem.
Devemos ter uma mente renovada e não viver na tradição da lei, servindo em novidade de espírito. Assim poderemos desfrutar do Espírito de filiação que já está em nosso espírito e, pouco a pouco, amadurecermos para ganhar a herança.
Somos filhos e podemos receber a herança! Esse foi o ponto que tentei mostrar às irmãs da África do Sul, enquanto viajava com um cooperador, conforme relatado ontem. Essas irmãs se alegraram muito quando esses versículos foram expostos a elas. Já que somos filhos de Deus, somos também Sua igreja!
Desse modo, se fomos feitos filhos Seus, tornamo-nos dignos da herança que está reservada para nós. Porém, para resgatá-la, precisamos amadurecer. Em Gálatas 4 lemos que, enquanto o herdeiro for menor, em nada difere do escravo (v. 1), estando aquele sob tutores e curadores ao tempo predeterminado pelo pai (v. 2). Uma vez amadurecido, receberá a herança prometida.
Nós estávamos sujeitos aos prazeres transitórios da carne. Graças a Deus pela redenção outrora cumprida por Cristo, O qual resgatou-nos deste mundo perverso a fim de que recebêssemos a filiação.