Alimento diário


Semana 7 - domingo


SÉRIE: A Economia Divina
MENSAGEM: 15: O amor ágape ? (2 Pe 1:3-11)
Leitura bíblica:
Gl 5:22; Ef 4:2; 2 Tm 2:24; Fm 10-11
Ler com oração:

Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de longanimidade (Cl 3:12).


O AMOR É PACIENTE E BENIGNO

A paciência com que Deus lida conosco demonstra que Seu amor é incondicional. Seu desejo é que cresçamos espiritualmente e tenhamos uma humanidade adequada. Ainda que sejamos imaturos, Sua persistência conosco nos traz segurança e vigor para um novo início. Seu encargo por nós é grande e imutável, haja vista o que já foi feito: Sua obra na cruz foi consumada.
Ante esses fatos, precisamos nos sentir constrangidos a não desistir da caminhada com Cristo, tampouco considerar um irmão como um caso perdido face às suas falhas. Certamente o aparecimento do apóstolo Paulo na vida de Onésimo salvou esse escravo fugitivo.
Paulo, durante o período em que esteve em Roma, foi muito perseverante com Onésimo, suprindo-o com a Palavra e talvez até com alimento físico (2 Tm 2:24). Provavelmente o interesse de Onésimo, a princípio, se resumisse somente ao prato de comida que ganhava. Paulo, além de apresentar a salvação eterna, o apascentou e o aperfeiçoou.
Por causa do amor de Paulo por Onésimo, este teve sua vida mudada (Fm 10-11). Paulo já não era mais o mesmo que rejeitou o jovem João Marcos na sua segunda viagem missionária. A vida e o amor de Deus já haviam crescido no apóstolo, de forma que ele conseguiu, por meio de muita paciência, aperfeiçoar Onésimo e transformá-lo em mais um fiel ajudador.
Cada um de nós tem utilidade nas mãos de Deus. Cristo Jesus é o nosso intercessor e podemos nos apresentar a Deus por meio do Seu nome. Ele pagou nossas dívidas, nos redimiu e continua a acrescentar Sua vida e natureza em nós. Por certo, desanimamos com algumas situações, mas lembremo-nos de que o fato de Paulo não perder as esperanças na transformação de Onésimo demonstra que Deus não desiste de salvar-nos a cada dia.
Semelhantemente, tenhamos mais esperança e perseverança com aqueles irmãos que cometem erros. Somente o amor que vem do Senhor é capaz de transformar uma pessoa a ponto de torná-la útil ao Senhor. Para que haja tal transformação devemos estar sempre na presença do Senhor, invocando constantemente o Seu nome em realidade. Assim, a vida de Deus aumentará em nós.
Que a Palavra de Deus permaneça crescendo em nós, até um dia estarmos plenos da vida divina e repletos do amor ágape. Todas as situações e dificuldades por que passamos, são o trabalhar de Deus para nos dar mais da Sua vida e natureza.
 


Ponto-chave:

A vida e o amor do Senhor pelos irmãos precisam crescer em nós.

Pergunta:

Quão disposto você está para ajudar seu irmão a crescer em vida?

 

Leitura de apoio:

“Progresso espiritual” – cap. 2 – Dong Yu Lan.
“Ser como Deus em vida e em natureza” – cap. 1 – Dong Yu Lan.